Petrobras informa que Transpetro terá plano de desligamento para 557 empregados



Programa visa promover a adequação do efetivo marítimo às ações de gestão ativa da frota”, disse a estatal. Transpetro
Divulgação
A Petrobras informou que sua subsidiária integral Transpetro aprovou a criação de um Programa de Desligamento Voluntário (PDV) que prevê atingir cerca de 557 empregados entre setembro de 2020 e julho de 2021.
“O programa tem uma estimativa de retorno (custo evitado de pessoal menos o desembolso com indenizações) de 552 milhões de reais até 2025 e visa promover a adequação do efetivo marítimo às ações de gestão ativa da frota”, disse a estatal, em comunicado nesta segunda-feira.
“O PDV é uma importante ferramenta de gestão de efetivo, sendo mais uma medida com foco na redução de custos, a fim de reforçar a resiliência dos negócios da companhia”, disse a empresa em comunicado.
No ano passado, a Petrobras lançou três Programas de Desligamento Voluntário (PDV). O primeiro foi para os aposentados pelo INSS até junho de 2020. O segundo foi direcionado aos empregados das unidades em processo de desinvestimento. E o terceiro para empregados que trabalham no segmento corporativo.
“A iniciativa faz parte do esforço contínuo para tornar a empresa mais sustentável, com uma gestão eficiente de pessoal”, informou a estatal no terceiro PDV de 2019.
Source: Globo Economia