Moody's rebaixa nota do Reino Unido por riscos do Brexit



Agência também vê economia britânica prejudicada pelos impactos do coronavírus. A agência de classificação Moody’s rebaixou a classificação de crédito do Reino Unido de Aa2 para Aa3 nesta sexta-feira (16), citando um crescimento econômico mais fraco do que o esperado e os riscos apresentados pelo Brexit.
“A força econômica do Reino Unido diminuiu desde que rebaixamos para Aa2 em setembro de 2017”, explicou a Moody’s em um comunicado.
“O crescimento tem sido significativamente mais fraco do que o esperado e é provável que continue assim no futuro”, comportamento “agravado pela decisão de deixar a União Europeia (UE) e pela subsequente incapacidade do Reino Unido de chegar a um acordo. comércio com a UE “, disse.
Brexit: cúpula entre líderes da União Europeia continua nesta sexta (16), em Bruxelas
A economia britânica também será “prejudicada pelas cicatrizes que provavelmente serão o legado da pandemia do coronavírus, que afetou gravemente” o país, acrescentou.
A perspectiva da dívida mudou de negativa para estável e a agência também rebaixou o Banco da Inglaterra para Aa3 com uma perspectiva negativa.
As negociações pós-Brexit entre Londres e Bruxelas, atualmente paralisadas, abrem a possibilidade de que o divórcio previsto para 31 de dezembro termine de forma amarga.
A agência de classificação disse que mesmo um acordo comercial com a UE até o final do ano “provavelmente terá um escopo limitado e, portanto, a saída do Reino Unido da UE, na opinião da Moody’s, continuará a reduzir o investimento. crescimento privado e econômico”.
Assista as últimas notícias de economia:
Source: Globo Economia