Exportações de carne de frango sobem 11% no primeiro semestre de 2019



Setor teve receita acima dos US$ 3 bilhões no período, sendo a China, que enfrenta surto de peste suína, o principal mercado comprador da proteína. A China incrementou suas compras em 22,6% entre janeiro e junho deste ano
Reprodução
As exportações brasileira de carne de frango subiram 11,4% na comparação com o mesmo período do ano passado, informou a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) nesta quarta-feira (10).
No seis primeiros meses de 2019, o desempenho dos embarques alcançaram 2 milhões de toneladas contra 1,836 milhão de toneladas enviadas ao exterior no ano passado.
Carne de frango é uma das beneficiadas no acordo UE-Mercosul; veja a lista
Em receita, a alta chegou a 14,9% no período, com mais de US$ 3,408 bilhões em vendas neste ano ante US$ 2,964 bilhões em 2018.
A China, principal destino das exportações brasileiras, incrementou suas compras em 22,6% entre janeiro e junho deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado, totalizando 257,9 mil toneladas.
Um dos motivos da alta é o surto de peste suína que atinge o país e fez os chineses buscarem outras proteínas para suprir a demanda por carne.
A União Europeia elevou suas compras em 21%, chegando a 129,9 mil toneladas no primeiro semestre.
Desempenho em junho
No desempenho mensal, os embarques de carne de frango subiram 64% em junho na comparação com o passado, totalizando 386,2 mil toneladas contra 235,4 mil toneladas no mesmo mês de 2018.
Em receita, houve elevação de 76,6%, com saldo total de US$ 639,6 milhões contra US$ 362,2 milhões realizados em junho do ano passado.
Source: Globo Economia